segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Isaltino Nascimento é o novo secretário de Transportes de Pernambuco

O Governador reeleito Eduardo Campos realizou hoje uma coletiva de imprensa no Palácio Campo das Princesas para anunciar a equipe que vai compor o seu governo nos próximos 4 anos. Dentre os nomes anunciados está o de Isaltino Nascimento, deputado estadual majoritário em Bom Conselho.
Nosso companheiro Isaltino, aliado de primeira hora do Governador Eduardo Campos, assume, a partir de janeiro, uma pasta estratégica: Transportes. Recebi sua ligação hoje pela manhã, para anunciar a sua nova função a serviço do povo de Pernambuco. Aguardei o anúncio oficial do Governador hoje a tarde para poder compartilhar a novidade com vocês aqui no meu blog.
Isaltino, mais do que um aliado político, é meu amigo pessoal. Por este motivo, eu só tenho a desejar todo o êxito possível a esse grande companheiro. Torço para que ele possa servir bem o povo de Pernambuco e, em especial, a nossa Bom Conselho na sua nova função. No que depender da sua competência e boa vontade, tenho certeza que ele alcançará os seus objetivos.

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Inauguração de Laboratório de Informática em Igreja Nova


A Prefeitura de Bom Conselho, através da Secretaria de Assitência Social, inaugurou na tarde desta segunda feira, dia 20 de dezembro, um laboratório de informática, com máquinas instaladas à disposição daquela comunidade, promovendo a inclusão digital. As máquinas, completamente novas, foram adquiridas com recursos municipais.
Essa é mais uma conquista para a comunidade de Igreja Nova, fruto do destacado trabalho da nossa secretária Paula Frassineti, que se mostrou muito empolgada com a inauguração do novo laboratório. Aliás, determinação e perseverança estão sempre presentes em tudo que a nossa combatente secretária faz, e o povo de Bom Conselho já sentiu o salto de qualidade que a área de Assistência Social experimentou desde que Paula assumiu a pasta. São ações assim, criativas, inovadoras, que fazem toda a diferença no dia a dia das pessoas.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Prefeitos decidem fazer paralisação nacional


Prefeitos convocados para a mobilização da Confederação Nacional de Municípios (CNM), que ocorreu na quarta-feira, 15/12, no Senado, em Brasília, decidiram que haverá uma mobilização nacional nos Municípios brasileiros amanhã, terça-feira, dia 21 de dezembro. A paralisação foi decidida por unanimidade durante a mobilização O Encerramento do Exercício de 2010 e os Recursos Financeiros nos Municípios, ocorrida no auditório Petrônio Portela, no Senado Federal.

Com o objetivo de reinvidicar a distribuição dos Royalties do petróleo e apelar ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que não vete o projeto, os prefeitos pretendem paralisar os serviços municipais, salvo os serviços de saúde. O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, pediu aos mais de mil prefeitos presentes que se unam, e que as entidades estaduais dêem apoio e respaldo aos Municípios. Ziulkoski defendeu que é importante que os prefeitos estejam comprometidos com a decisão que foi tomada.

A CNM preparou uma carta ao Presidente da República Lula, para que não vete o projeto de redistribuição dos Royalties de gás e petróleo aos Municípios. Segundo Ziulkoski, “Conseguimos aprovar a proposta pela terceira vez, duas na Câmara e uma no Senado. Nós lutamos pela redistribuição dos Royalties por uma questão de justiça tributária, federativa, fiscal, da Constituição que diz de quem é a propriedade dos Royalties em alto-mar”, conclui.


Amupe sugere às prefeituras pernambucanas que fechem suas portas nesta terça-feira

O presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE), Antonio João Dourado (PDT), está sugerindo aos prefeitos que paralisem suas atividades nesta terça-feira (21) como forma de pressionar o presidente Lula a não vetar o projeto de divisão dos “royalties” do pré-sal aprovado recentemente pelo Congresso Nacional.

Os prefeitos alegam que, diante das dificuldades que enfrentar para obter recursos federais, é preciso unidade para proteger os municípios.

Segundo Antonio João Dourado, a idéia da paralisação é demonstrar ao governo e à sociedade a força do movimentos municipalistas no país inteiro em defesa de uma distribuição justa dos recursos do pré-sal.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Dando murro em ponta de faca


Nos últimos dias, como de costume, venho sofrendo ataques sistemáticos por parte do Blog Bom Conselho de Papacaça. Aliás, essa tem sido a postura deste blog desde o dia de sua criação, e o seu único e principal propósito de existência. Esse posicionamento deve-se única e exclusivamente às pretensões políticas do autor do referido blog, que pretende lançar-se como candidato a prefeito de Bom Conselho nas próximas eleições municipais. Portando, nada mais natural que ele criticasse a atual administração, seja lá como for, para alcançar o seu objetivo.

Primeiro ignorei, depois respondi às suas críticas frágeis e, confesso, nos últimos dias questionei este meu posicionamento. Ouvi várias opiniões a respeito desta questão, mas o posicionamento mais coerente que eu vi foi este aqui:

A Guerra dos Blogs (Publicado na edição n° 277, do jornal “A Gazeta”)

“Por diversas vezes já tratamos desse assunto e sempre que voltamos a ele fazemos constrangidos e com o intuito único de dizer: Não merece importância, esqueça, despreze, ignore. Estamos nos referindo ao anonimato. Cartas, telefonemas e agora e-mails e blogs. A denúncia anônima em nossa Bom Conselho é cultural, há anos passados cartas anônimas foram responsáveis por separação de casais. A GAZETA já recebeu várias correspondências com as mais variadas denúncias e destino era o lixeiro, hoje quando recebemos e-mails comprovadamente falsos teclamos delete. Não tem responsável não merece nenhuma atenção.

Nestes últimos dias de novembro, lamentavelmente temos assistido uma guerra de blogs. Se, se tratasse apenas de troca de amabilidades entre blogueiros com CPF e CI tudo bem, vivemos num regime democrático, graças a Deus, e as pessoas têm o direito de expor o que pensa assumindo a responsabilidade. Mas, a nossa prefeita Judith Valéria Alapenha de Lira reativou o seu blog, sem postagem desde 20 de outubro, para responder as críticas de um blog sem identidade, sem DNA, sem CPF, anônimo. A prefeita deixou de lado a sua condição de Prefeita do município de Boom Conselho outorgado por 9.331 eleitores para troca de farpas com um desconhecido, inclusive, chegando a dizer: “não tenho medo de você”. Ele ou ela colocou uma casca de banana e a prefeita caiu e não uma só vez. Inicialmente foi por conta da retroescavadeira, depois a denúncia anônima de uma funcionária do Nasf – Núcleo de apoio a Saúde da Família. Judith Valéria Alapenha de Lira, prefeita constituída do município de Bom Conselho. A sua chegada ao Palácio Municipal Cel. José Abílio de Albuquerque Ávila, contrariou e ainda contraria, muitos daqueles que perderam o poder, que chegando ao poder não alcançaram os seus objetivos. Os seus munícipes sabem o quanto lhe custa as demissões que já fez e terá que fazer; os seus munícipes sabem quantas noites de sono já perdeu porque não tem realizado as obras que a cidade de Bom Conselho reclama; os seus munícipes a conhecem e sabem da forte e correta mulher bonconselhense que você é; e sabe que a administração municipal tem uma excelente gestora que enfrenta as dificuldades de todas as prefeituras brasileiras.

Prefeita Judith Valéria Alapenha de Lira, não saia da sua condição de mandatária, para “brigar” com um fantasma. Dialogue, debata, preste esclarecimento a quem se identifica, a quem mostra a cara, a quem tem DNA.”

O amigo Luiz Clério foi muito feliz na sua argumentação. Fui ingênua demais ao cair na armadilha deste “cidadão”. Seu propósito não é informar a população de Bom Conselho sobre o que acontece em nossa cidade, pois se assim o fosse, mostraria as várias ações positivas do meu governo. Uma pessoa como esta não merece justificativas e nem mesmo atenção. Eu, Judith Valéria Alapenha de Lira, Prefeita do Município de Bom Conselho, com um mandato garantido pelo povo da minha cidade, não devo satisfação a um anônimo. Essa entidade, quando usada para estes fins, não nos traz nada a acrescentar de bom.

O Blog da CIT, através do seu Diretor Presidente, posicionou-se a respeito do assunto. Discordando do Luiz Clério, afirmou que todo eleitor que votou em mim, anonimamente na urna eletrônica, tem o mesmo direito de mostrar sua opinião da mesma forma. Eu afirmo com toda segurança que uma coisa não tem nada a ver com a outra. O anonimato dispensado ao eleitor é justamente para resguardar a sua integridade. Oposto a isto é usar o anonimato para postar informações distorcidas, tratando de uma realidade que não existe, atacando pessoas sem ao menos dar a chance para que os outros conheçam a credibilidade de quem está lhe atacando. Isso pode parecer divertido, curioso, intrigante e polêmico para alguns, e até alimentar algumas das postagens dos blogs da nossa Bom Conselho, mas para mim não é bem assim.

No que depender de mim, das postagens do meu blog, esse assunto encerra-se aqui. Quem preferir, pode continuar fazendo barulho, mas isso não me importa mais. A partir deste momento, informo que não mais vou responder as críticas deste cidadão. Isso não vale a pena, pois não vou mais ficar dando murro em ponta de faca. Eu explico: quem coloca os seus interesses pessoais à frente de tudo, e paga qualquer preço para denegrir a imagem das outras pessoas não merece a minha consideração. Esse tipo de informação, formulada por este cidadão, é falsa. Ela é fundamentada na ganância de obter o posto que eu ocupo atualmente, e da maneira mais irresponsável que alguém possa imaginar, desrespeitando, principalmente, os integrantes da minha equipe, que trabalham dia e noite para que a nossa cidade siga em frente.

Da mesma forma, não aceito mais críticas, sugestões, reclamações e até mesmo elogios anônimos. A minha opinião é que, se você não tem vergonha da sua, não precisa ter medo de se identificar. Eu me exponho em meu blog pessoal, que inclusive leva o meu nome, e considero injusto que outras pessoas usem deste artifício covarde, o anonimato, para se dirigir a mim. O tempo da velha política, da perseguição, já acabou. Não condiz com o meu perfil criticar ou perseguir àqueles que, de alguma forma, tentam melhorar a administração e, consequentemente, melhorar nossa cidade apontando as suas soluções e os seus questionamentos. Mas, de agora em diante, identifiquem-se! Nome e sobrenome, e se for possível, endereço também. A postura fica muito mais correta e justa desta forma.

Não me recuso a prestar quaisquer esclarecimentos a respeito do trabalho desenvolvido pela minha administração. Isso é uma questão de transparência, e eu concordo com o Diretor Presidente neste ponto. Entretanto, a quem interessar fazer uma crítica/sugestão, tenha ao menos a decência de se identificar. E ponto final.

sábado, 18 de dezembro de 2010

Logo mais, no blog

Postarei logo mais ou, no mais tardar, amanhã de manhã alguns questioamentos sobre anonimato, blog Bom Conselho de Papacaça e questões do gênero, colocando um ponto final nesse assunto, que eu acho que é o que muita gente está esperando.

Aguardem.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Vereador Arlan da Barra é o novo presidente da Câmara de Vereadores

Na última quarta feira, foi realizada a escolha da nova mesa diretora da Câmara de Vereadores de Bom Conselho. Venceu a chapa 2, sendo vereador Arlan Wanderley, conhecido como Arlan da Barra, eleito o novo presidente da casa para o biênio 2011-2012. Para a 1ª secretaria, foi escolhida a vereadora Léa Ramos, e para a segunda secretaria foi escolhido o vereador Chico Bento, atual presidente da casa.
Desejo ao novo presidente boa sorte nessa sua nova missão que lhe foi confiada pelos seus colegas vereadores, e desejo também que o Poder Legislativo consolide ainda mais o diálogo com o Poder Executivo, objetivando sempre buscar as soluções para os problemas da nossa Bom Conselho, buscando melhorar a vida da nossa gente.

sábado, 11 de dezembro de 2010

Município paga 13º salário aos servidores

A Prefeitura de Bom Conselho, através de sua Secretaria de Finanças, realizou o pagamento do 13º salário dos servidores municipais na última quinta feira, 8 de dezembro. O pagamento foi feito em parcela única.
Sem precisar contar com o incremento de receita oriundo do depósito da parcela extra de FPM, correspondente às perdas registradas em 2010, valor depositado no dia 9 do mês de dezembro, o adiantamento do 13º salário dos servidores reflete o equilíbrio das finanças municipais, fruto do competente trabalho da secretária de Finanças, Janeth Alapenha, e de toda a sua equipe, que tratam cada centavo do dinheiro público com respeito e responsabilidade.
O pagamento do 13º salário, mesmo em um momento de perdas dos repasses aos municípios, é mais que uma obrigação nossa, é direito do servidor. Além disso, contribui para o aumento de vendas no comércio local e a melhoria da auto estima dos nossos funcionários, que vão poder honrar seus compromissos com mais tranquilidade neste fim de ano.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Blog Bom Conselho de Papacaça mente... de novo! - Parte 2

Essa parece ser uma história de muitos capítulos! O Blog Bom Conselho de Papacaça continua às escondidas. Aguardo há 10 dias, mas até agora a falta de coragem e a vergonha não permite ao Mister M se revelar aos seus leitores. Eu já sei de quem se trata, mas esperava uma postura um pouco mais honrosa. Continuamos aguardando...

Intituladas de "O que há de diferente em Cortês-PE" e "O que há de diferente em Jaboatão?", as mais novas postagens do blog da fofoca trazem informações sobre o competente trabalho que os companheiros José Genivaldo dos Santos e Elias Gomes, prefeitos de Cortês e Jaboatão dos Guararapes, respectivamente, vêm desenvolvendo à frente das prefeituras dessas cidades, ressaltando a eficiência da gestão no pagamento dos seus compromissos com seus servidores. Louvável a lembrança, se fosse apenas pelo fato de reconhecer este belo trabalho, principalmente em tempos difíceis como estes, onde ser prefeito está sendo um martírio para muitos de nós. Infelizmente, o propósito da postagem não foi esse, e requer alguns esclarecimentos.

Ultilizando-se de termos vulgares e agressivos, como "enganar trouxas" e "inventar desculpas", além de expor uma imagem que retrata uma escala de gradação, fazendo alusão ao comparativo entre governos (como se isto fosse possível, em se tratando de realidades bem diferentes), o Misterioso blogueiro tenta novamente desqualificar a minha gestão, taxando-a (in)diretamente de incompetente. Pena que não vai conseguir... de novo!

Eu não sei o que há de diferente em Cortês e em Jaboatão, pois não conheço de perto a realidade daqueles municípios. Posso responder bem por Bom Conselho, pois vivencio o seu dia a dia, administrando seus problemas. Já não podemos dizer o mesmo do blogueiro em questão, que dispara suas críticas anônimas e covardes sem antes ter o cuidado de pensar nas suas consequências. Corre o risco de falar besteira, como aconteceu agora.

Aí eu pergunto: e o que há de diferente em Bom Conselho?

Nossa cidade foi castigada durante vários anos por gestões que falharam demais, gastaram demais e, principalmente, deixaram muitas dívidas. É fato, e não há como negar, fugir do problema ou tentar qualificar isso como desculpa. Hoje pago um alto preço por esses erros, e faço o possível para não cometê-los também. Se não bastasse uma herança maldita, enfrento, a exemplo da maioria dos municípios brasileiros, um período de queda brusca e permanente dos repasses federais, fundamentais para manter os serviços básicos de responsabilidade do município.

Todos os meses, pago as obrigações municipais religiosamente, como as contas de água e de luz, o repasse da previdência dos servidores, além de pagamento dos funcionários e fornecedores. É lamentável que, além de tudo isso, tenho que pagar parcelamentos referentes a dívidas deixadas por ex-gestores, referentes justamente a esses encargos. Foram dívidas negociadas com os credores no início do meu governo, e são o tipo de problema que eu não vou deixar para o meu sucessor.

Taxada como desculpa por alguns, o pagamento dessas dívidas que, ressalte-se aqui, não foram contraídas por mim, faz a diferença no nosso apertado orçamento todos os meses. São algumas dezenas de milhares de reais retirados mensalmente da receita do município, fruto da aplicação errada de recursos em administrações anteriores, que podiam ser usados em novos investimentos hoje.

Se não bastasse isso, surgiu um cenário desfavorável para os municípios nos últimos 2 anos, reflexo da crise econômica mundial. Os repasses foram cortados brutalmente, e quem é prefeito pode atestar o que eu estou dizendo, e o quanto estamos perdendo da nossa saúde para administrar os nossos municípios. Vocês também estão acompanhando através do meu blog os vários exemplos que estão se repetindo em Pernambuco e em todo o Brasil, e eles vão continuar a acontecer. A crise é real, e só não enxerga quem não quer!

Queda de repasses, dívidas antigas a serem pagas, aumento de salários e, na contramão disso tudo, queda na receita. Qualquer um pode atestar o óbvio: aumento da despesa e diminuição da receita, e em uma proporção considerável. Mesmo assim, continuamos com as nossas escolas e hospital funcionando regularmente, nossos funcionários sendo pagos em dia, nossos encargos sendo pagos corretamente. Enfim, nosso município continua prestando suas obrigações, o que exige um sacrifício enorme da nossa equipe.

Se você observar bem, as postagens do Blog Bom Conselho de Papacaça são carregadas de rancor e de paixão. Curioso o fato do autor do blog criticar tanto a minha administração. Ex membro do primeiro escalão do meu governo, o "cidadão" em questão conhece bem de perto a realidade que estamos enfrentando. Conhece as dificuldades financeiras que o município carrega, mas não cansa em taxar de incompetente a minha administração, governo do qual ele fez parte, vejam só! No popular, isso chama-se "cuspir no prato que comeu", demonstrando mais uma vez a falta de caráter e de personalidade que esse misterioso blogueiro possui.

Você não vai atingir os seus propósitos, pois estes são mal intencionados. Você não faz um trabalho que engrandece o município, pois suas críticas não constroem nada de produtivo. Um recado bem claro para você, Mister M: você sabe os motivos que fizeram você sair desse governo, e sabe também que eles foram justos. Se ainda há alguma diferença a ser resolvida, você tem meu telefone pessoal, o telefone da minha residência e o meu e-mail. Entre em contato comigo. Tentar resolver as diferenças por meio de um blog, e ainda escolhendo o anonimato para se expressar, é a pior forma de obter isso, e só evidencia sua dificuldade de relacionamento com as pessoas e o seu despreparo.

Mantendo-se ainda nessa postura, continua valendo a mesma regra: quanto mais mentiras você contar sobre mim, mais verdades vou falar sobre você.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

A Gazeta Digital vem com tudo!


Em mais uma atitude competente e acertada, a turma da CIT Ltda estréia A Gazeta Digital, sob o comando do Zé Carlos, mais um membro da CIT, voltando agora à empresa. Para os poucos que ainda não conhecem, a CIT Ltda é um grupo de gente do bem que, sob o comando do ilustre Diretor Presidente, mantêm o blog da CIT, um blog recheado de textos que tratam, pricipalmente, das coisas da nossa terra. Escrevendo com uma forma bem humorada, usando-se de um anonimato bem humorado, inteligente e bem intencionado, essa turma nos diverte, conseguindo diariamente nossos risos e emoções.

Inovando mais uma vez, a CIT inaugura um site completo, que faz alusão à nossa Gazeta impressa, e que, com certeza, vai estabelecer parcerias com o Luíz Clério, para informar sempre e informar bem os nossos conterrâneos que estão em outras partes desse Brasil e do mundo, sobre o que acontece na nossa cidade.

No meu primeiro acesso, já tive uma excelente impressão do nosso mais novo blog. A Gazeta Digital nos contempla com várias seções: notícias, deu nos Blogs, textos, artigos e comentários, avisos e comunicações, história e geografia, política e economia, sociedade, turismo e eventos, fotos e vídeos, além do bem humorado compre sorrindo e sorria comprando. Um site completo, que, com certeza, vai dar muito o que falar.

A partir de hoje, estarei mantendo um link fixo em posição de destaque em meu blog, para que todos os meus leitores possam conferir esse belo trabalho. É a minha modesta contribuição para que o novo site seja conhecido por mais bonconselhenses.

Um grande abraço a todos que fazem a CIT Ltda! E vida longa à Gazeta Digital.

Censo 2010: População de Bom Conselho cresce 8,12%

Dados divulgados em 29/11/2010 pelo IBGE informam que o município de Bom Conselho obteve um acréscimo em sua população. O Censo 2010 informa que agora somos 45.506 bonconselhenses, ante 42.085 habitantes em 2000. Isso corresponde a um acréscimo de, aproximadamente, 8,12%, ou 3.421 habitantes em números absolutos, em um período de 10 anos.
Sempre que uma nova contagem é iniciada, cresce a expectativa com relação ao crescimento da nossa população. Os números deste ano, assim como em anos anteriores, acabam frustrando a expectativa de alguns de nós, porque queremos ver nossa terrinha sempre crescendo mais. Entretanto, este crescimento relativamente discreto em 10 anos guarda algumas causas. Os recenseadores tiveram uma grande dificuldade na contagem da população de Bom Conselho, pois mesmo com as campanhas promovidas pela prefeitura, em parceria com os membros do IBGE, muitas portas foram encontradas fechadas.

Qual a importância dos novos números para Bom Conselho?

Além de dar subsídios para a elaboração de políticas públicas, a contagem da população normatiza o principal repasse constitucional aos municípios: o FPM. O valor deste repasse é dividido de acordo com faixas de população, e cada faixa corresponde a um determinado coeficiente. Este coeficiente é o principal indicador que determina a diferença de repasses entre os municípios. As faixas de população estão divididas de acordo com a tabela abaixo (clique para ampliar).

Bom Conselho está situada na faixa de população que corresponde ao coeficiente 2.0. Periodicamente, o IBGE informa uma estimativa da população ao Tribunal de Contas da União, baseada no crescimento populacional dos municípios, para que o banco de dados fique permanentemente atualizado, e os municípios não sejam penalizados com a defasagem dos dados do Censo, que só é realizado de 10 em 10 anos. A última estimativa a que tive acesso, do ano de 2009, informou que a população de Bom Conselho era de 45.250 habitantes, situada também na faixa populacional que corresponde ao coeficiente 2.0. Portanto, mesmo com o acréscimo real da nova contagem, o município não muda de faixa populacional.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Prefeitos do interior da Bahia começam a demitir para honrar 13º salário de servidores

A queda no Fundo de Participação dos Municipios deixou vários prefeitos com a corda no pescoço.

Com a corda no pescoço em razão da frustração dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) pelo governo federal, boa parte dos prefeitos baianos está demitindo funcionários para economizar alguns milhares de reais e pagar o 13º salário e honrar dívidas com fornecedores.

Prefeitos dos municípios de Valença, Itambé, Uruçuca e Mulungu do Morro, admitiram as demissões. A União dos Municípios da Bahia (UPB) estima que 50% dos municípios estejam cortando gastos demitindo pessoal.

No orçamento da União a previsão do FPM para a Bahia em 2010 era de R$ 4,984 bilhões para os 417 municípios, mas a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) acredita que o Estado feche o ano com -5,7% desse valor, perda estimada em aproximadamente R$ 282,5 milhões – muito para um Estado no qual a maioria dos municípios depende dos repasses federais em razão de receita própria irrisória.

A diminuição da arrecadação dos impostos que compõem o FPM, sobretudo Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) e Imposto de Renda (IR), levou o governo a reestimar cinco vezes o montante do repasse para os mais de 5,5 mil municípios brasileiros. Na última previsão a diferença era de menos R$ 8,6 bilhões.

Redução dos gastos - O prefeito de Valença, Ramiro Queiroz (PR), antevendo a queda brusca do FPM, começou a demitir desde o dia 28 de setembro e conseguiu reduzir os gastos com pessoal em R$ 400 mil/mês com o corte de 180 funcionários, a fim de dar conta dos pagamentos salariais e débitos com fornecedores – que chegam a R$ 800 mil. Entre os demitidos, quatro secretários, das pastas da Pesca, Turismo, Cultura e do Planejamento.

“Recebi a menos do FPM aproximadamente R$ 1,8 milhão. É muito estressante hoje estar prefeito numa cidade que não tenha royalties ou indústria de peso. Fora isso, todos os municípios são penalizados”, diz Ramiro.

Em Uruçuca, o prefeito Moacir Leite Júnior (PP), que viu o FPM despencar desde junho de R$ 1,8 m para R$ 1,2 m mensais, está com o próprio salário em atraso, junto com o vice-prefeito e secretários. Ele conseguiu pagar em novembro o salário de setembro dos servidores. Embora metade do 13º salário seja pago ao longo do ano (data de aniversário do servidor), os fornecedores (combustível e construção civil) não receberam ainda. “A partir de 1º de dezembro começaremos a fazer redução de gastos, corte de pessoal”, anunciou Leite.

Já em Mulungu do Morro, 150 funcionários foram demitidos para uma economia de R$ 100 mil/mês, revela o prefeito Amauri Lucena (PMDB). “Aqui a gente vive na requelenga. O índice de doença é grande e não tem infraestrutura. E essa falta de recursos... a gente nem segura mais os gastos, tive de demitir. A maioria dos municípios está assim, vive das transferências constitucionais”.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Ação do PAC chega a Bom Conselho


A prefeita de Bom Conselho, Judith Alapenha, está construindo 255 banheiros para a população carente do seu município, com recursos do PAC. Serão investidos cerca de R$ 900 mil para melhorar a condição de vida das famílias que não têm sequer um sanitário em casa. Neste domingo, a governante da terra de Papacaça visitou 21 residências onde as obras já foram concluídas e entregou as chaves aos proprietários. Uma ação simples, mas que promove melhores condições de saúde para as pessoas, evitando a contaminação e proliferação de doenças. Ao mesmo tempo, garante-se a preservação do meio ambiente, além de gerar empregos para dezenas de bonconselhenses.


segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Municípios estão no vermelho

A campanha presidencial foi pouco propositiva e nada se viu no campo econômico. O resultado não demorou a aparecer. Um pacote recheado de presentes não muito agradáveis caiu no colo da presidente eleita, Dilma Rousseff. Antes de assumir o cargo, a futura gestora já tem que discutir reformas, arrecadação e orçamentos. Para completar, passada a calmaria das alianças nas cidades interioranas, principalmente do Nordeste, as prefeituras voltaram a cobrar o aumento do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que fechará este ano com uma queda aproximada de R$ 2 bilhões, segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

O impacto nas contas públicas surgiu por conta da redução no recolhimento dos impostos de Renda (IR) e sobre Produtos Industrializados (IPI), que compõem o FPM. Este último foi reduzido e até desonerado nas operações envolvendo setores como o automotivo e o da construção civil. Tudo para evitar danos maiores com a crise econômica iniciada no fim de 2008.

Em Pernambuco, a Prefeitura de Belo Jardim demitiu 1,3 mil servidores e a de Tracunhaém colocou mais de 180 concursados para fora. Outras cidades podem adotar a mesma medida para evitar que entrem no vermelho. Entre as que estudam a possibilidade, estariam Afogados da Ingazeira, Serra Talhada, Lajedo e Bonito. Estima-se que a queda real no repasse do FPM para os municípios que compõem o Estado tenha ficado em torno de 10%.

“A situação está se agravando. Ou corto gastos ou bo­to gente para fora”, resume o prefeito de Bonito, Ruy Barbosa. Segundo ele, o início de contenções mais fortes não deve passar do mês que vem, quando receberá um levantamento para saber onde poderá diminuir os custos. Para o gestor, a única saída são os investimentos em novas indústrias. Por lá, a Bracol, do Grupo Bertin, promete gerar de 500 a 600 empregos. Os serviços de terraplanagem estão previstos para janeiro.

O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, enviou um ofício ao Governo Federal cobrando um apoio financeiro diferenciado para os municípios ainda este ano. Se a solicitação não for atendida, a sugestão é para que seja destinado R$ 1,6 bilhão às áreas de creche e Ensino Fundamental. Outra possibilidade, segundo ele, seria o aumento do Piso da Atenção Básica e o reajuste do incentivo às equipes de Saúde da Família.

domingo, 28 de novembro de 2010

Prefeito de Belém do São Franscisco demite 180 servidores

A crise chegou para valer na grande maioria dos municípios do interior cuja principal fonte de receita é o FPM .

O blog foi informado nesta sexta-feira pelo deputado eleito, Rodrigo Novaes (PTC), um dos mais votados em Belém do São Francisco nas últimas eleições, que o prefeito e seu adversário político, Gustavo Caribé, exonerou 180 funcionários a pretexto de que precisava enxugar a folha para atender ao limite máximo de gastos permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal.


Fonte: blog do Inaldo Sampaio

sábado, 27 de novembro de 2010

“Vassourada” demite 184 servidores em Tracunhaém

A Prefeitura de Tracunhaém baixou um decreto exonerando 184 servidores municipais concursados. De acordo com o decreto de nº 11/2010, publicado em 19 de outubro, a justificativa da prefeita Graça Lapa (PSB) é acatar o alerta dado pelo Tribunal de Contas do Estado para que fosse feito um ajuste de ao menos 1/3 do percentual excedente, tendo em vista que a folha de despesa de pessoal do município representa 59,96 %” da receita Corrente Líquida (RCL). Para reajustar as contas, além da exoneração dos 184 efetivos, a Prefeitura também demitiu 17 contratados e 24 cargos comissionados.

Entre os exonerados estava a única promotora pública em exercício do município. “O município tinha apenas dois procuradores. Um é vice-prefeito de Nazaré da Mata está afastado e não está na folha de pagamento. Então, atuando só havia uma procuradora. E Graça Lapa demitiu. E agora, quem vai defender os interesses do município?”, questiona o advogado de um grupo de servidores, Lyndon Johnson.

Ele chama a atenção para o fato de o executivo municipal não ter dado direito de defesa aos servidores. Antes da exoneração, os funcionários deveriam ter sido notificados e um processo administrativo aberto. “Nada disso foi feito. Esse ato foi totalmente irregular. A prefeita alega contenção de despesas e demite apenas 24 cargos comissionados e apenas 17 contratos temporários. Sem contar que 90% dos servidores demitidos recebiam apenas um salário mínimo”, garante.

Segundo Johnson, o Ministério Público do Estado, através da Promotoria de Tracunhaém, abriu um inquérito civil para apurar a irregularidade. “Amanhã (hoje) darei entrada num mandado de segurança para reintegrar vários servidores, entre eles a única procuradora da cidade, o gari e os professores. O Sindicato dos Servidores Públicos de Tracunhaém também está organizando as documentações necessárias para ingressar com uma ação judicial”, contou Johnson. Nesta sexta-feira, o juiz Carlos Alberto Maranhão deve receber as ações e podendo conceder liminar determinando a reintegração dos servidores.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Blog Bom Conselho de Papacaça mente... de novo!

O Blog Bom Conselho de Papacaça continua às escondidas! Lancei o desafio há 2 dias, mas faltou coragem ao Mister M se revelar aos seus leitores. Continuamos aguardando...

Recebi muitos e-mails desde a última quarta feira, e muitos já advinharam a identidade do nosso opositor misterioso, não mais tão misterioso assim! Tem até enquete no excelente Blog do Cláudio André com os prováveis suspeitos. Mister M continua disparando suas mentiras, escondendo-se no anonimato, mas agora isso é por pouco tempo. Seu anonimato está com os dias contados.

A última mentira diz respeito ao NASF de Bom Conselho. Ele alega ter recebido uma carta de uma leitora do seu blog denunciando uma irregularidade nos repasses ao núcleo. A susposta leitora, tão anônima quanto o signatário do blog, afirma que a carga horária dos funcionários foi reduzida pela metade, e que o repasse para a manutenção do programa continua o mesmo. Tanto a suposta leitora quanto o nosso amigo Mister M tratam do tema com o sensacionalismo que é peculiar ao blog, utilizando-se de termos fortes, como "desvio de recursos", "uso irregular de verbas", "barbaridade" e, até, "denúncia ao Ministerio da Saúde".

Encontrei o seguinte comentário a esta notícia:

Sábias palavras! Quem não deve, não teme, E EU NÃO TEMO! Já disse uma vez, e repito aqui para quem está esquecido: eu não tenho o "rabo preso". Não compactuo com nenhuma forma de corrupção ou com qualquer tipo de irregularidade que comprometa o município e a minha integridade, pois isso não tem preço. E é por isso que tenho total condição de responder mais uma vez à sua MENTIRA.

A redução da carga horária dos funcionários, como também a consequente economia com os salários, foi uma altenativa proposta por nossos assessores para reduzir os gastos com a folha de pagamento, e assim se enquadrar na Lei de Responsabilidade Fiscal. A lei exige que o município gaste, no máximo, 54% de sua receita em despesas com pessoal, e nós estamos fazendo muitos esforços para cumprir essa determinação, sendo este, também, o real motivo das demissões que estão acontecendo.

A crise é geral, e não adianta fechar os olhos para ela. Os repasses aos municípios brasileiros diminuíram drasticamente, e os salários com funcionários aumentaram, devido também ao aumento do salário mínimo. Temos que cortar gastos com funcionários, é o que a lei manda, para que possamos nos enquadrar no índice de 54%. É a decisão mais difícil, sou mal compreendida com isso, mas tenho que fazer, e estou fazendo. O NASF foi exemplo disso.

Entre mentiras e hipóteses lançadas, duas perguntas resumiram a última postagem caluniosa do Mister M: 1) Onde serão gastos os recursos adquiridos com a diminuição da folha de pagamento dos profissionais? e 2) Como será atendida a partir de agora a população que necessita destes serviços? Respondo as duas, agora mesmo.

Respondendo a primeira pergunta, quero dizer que não vai haver prejuízo para a população. Bom Conselho era a única cidade da região onde sua unidade do NASF funcionava em horário estendido, sendo que outras cidades, a exemplo de Garanhuns, funcionam no horário que estamos operando agora, sem nenhum ônus para os usuários deste importante serviço. Desconhecer esse fato é evideciar ainda mais o despreparo deste cidadão, que posta essas mentiras diariamente, e que não conhece a realidade de perto antes de disparar seus ataques.

A segunda pergunta foi lançada, e em tom de denúncia grave. Faço questão de respondê-la também. Os recursos continuam chegando, no mesmo valor, e estão depositados na conta corrente referente ao programa. Ao contrário do que VOCÊ insinuou, eles não foram desviados. De imediato, eu quero deixar aberto o espaço para que qualquer cidadão bonconselhense que quiser dispor do extrato bancário da conta, é só entrar em contato com a Secretária de Saúde, Denise, que ela vai abrir sua contabilidade sem o menor problema. Esse dinheiro não pode ser disponibilizado para outro fim, a não ser que seja aplicado em melhorias no próprio NASF, ou então devolvido ao Ministério da Saúde. Por isso, ele vai continuar lá, depositado em conta corrente, até ser aplicado nos fins propostos pela lei.

Quem não deve, não teme. Aí eu pergunto: e por que você teme em revelar a sua identidade?

Por que se esconde? Lanço mais uma vez a dúvida aos meus leitores e o desafio a VOCÊ. Uma pessoa que se envergonha da sua própria opinião é digna de credibilidade e confiança? Eu acho que não.

Vou mais além já que quem não deve, não teme. Por que seus leitores são também todos anônimos? Por que várias de suas postagens são motivadas por denúncias e cartas anônimas, partindo de boatos, hipóteses? São questionamentos pertinentes a serem respondidos, e rápido! Seu tempo de anonimato está ficando cada vez mais curto...

Não é difícil constatar algumas evidências óbvias em seu blog. O estilo da escrita, principalmente nas postagens mais polêmicas, é semelhante no corpo da postagem, nas supostas cartas anônimas e nos comentários lançados, o que me leva facilmente a concluir que VOCÊ é o autor de tudo isso, ocupando o papel de colaborador, redator e leitor do blog, tudo ao mesmo tempo! Impressionante essa sua versatilidade! Esse padrão se repete em outras postagens, e basta ao leitor mais atento observar essas "estranhas coincidências".

A partir de agora é assim: quanto mais mentiras você contar sobre mim, mais verdades eu vou contar sobre VOCÊ.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Construção de ponte na zona rural do município


A Prefeitura de Bom Conselho investiu R$ 20 mil dos recursos municipais para construir uma ponte nas proximidades do distrito de Rainha Isabel. Uma obra simples, mas que irá beneficiar dezenas de famílias, principalmente das comunidades de Sertãozinho e Jiquiri. A construção vai possibilitar que muitas pessoas economizem 10 km para ter acesso à sede do município. Antes, no local, havia uma velha ponte de madeira, improvisada, que foi levada pelas chuvas.



Foi uma manhã bastante agradável. Acompanhei de perto todo o trabalho de montagem da ponte, junto à população local. Quando o trabalho de montagem foi concluído, todos nós, juntos, experimentamos a ponte. Essa era uma reivindicação antiga da população dessas comunidades. Apesar de simples, é uma obra que faz toda a diferença no dia a dia dessas pessoas. São atitudes como esta que realizamos todos os dias, e pouca gente tem conhecimento. Mas, pouco a pouco, vamos conseguindo mudar a cara da nossa Bom Conselho.


Prefeito de Serra Talhada reclama do FPM

Em consequência das constantes quedas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o prefeito de Serra Talhada, Carlos Evandro, demitiu recentemente 100 servidores da Prefeitura Municipal. Atitude radical foi tomada após consecutivas baixas no valor repassado pelo Governo Federal para o gestor serratalhadense e outros prefeitos pernambucanos.

Além da demissão em massa mais problemas foram acarretados pelo baixo repasse do FPM para Serra Talhada. Os alunos da zona rural da rede municipal de ensino ficaram sem aulas nessa terça-feira (09), porque faltou dinheiro para pagar o transporte dos professores.

Devido este problema alguns prefeitos pernambucanos entre eles o de Serra Talhada, Carlos Evandro, além do presidente da Codeam, Eudson Catão Ferreira (PSB), e o presidente do Comanas e prefeito de Aliança, Azoka Gouveia (PR), estiveram ontem em Brasília para reunião com o Ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Os prefeitos reivindicam que o ministro libere para os municípios aquilo que foi prometido por Lula para compensar a queda do FPM, R$ 1 bilhão. Os administradores municipais argumentam que não têm mais de onde cortar despesas. Se o socorro não chegar os prefeitos prejudicados avisam que não irão nem mesmo pagar o 13º salário dos funcionários públicos.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

A pedidos, a verdade

Eu não leio o Blog Bom Conselho de Papacaça, e os motivos eu já explicitei aqui, mas vale relembrá-los. Na minha opinião, trata-se de um blog calunioso, que distorce os fatos, com o exclusivo intuito de fazer propaganda negativa sobre o meu governo, mostrando periodica e sistematicamente em suas postagens críticas e boatos sem o menor fundamento, e que em nada ajudam a melhorar o município, pois se elas fossem construtivas seriam bem vindas.

O fato é que um amigo muito próximo a mim, que infelizmente tem um péssimo hábito de visitar blogs dessa qualidade na internet, me ligou na tarde desta terça. Ele me contava que, ao acessar o referido blog pela manhã, encontrou uma nota que fazia referência à retroescavadeira adquirida na minha administração, dizendo que ela havia sido DOADA pelo governo Lula, e pedindo a mim e ao Roberto Almeida que falássemos somente a verdade. VOCÊ quer a verdade, meu caro? Então eis a verdade.

A verdade é que o Programa de Aceleração do Crescimento 2, no qual o recurso que vai possibilitar a vinda da retroescavadeira está inserido, exige que os municípios contemplados com as máquinas estejam adimplentes com o Governo Federal, e Bom Conselho está. Somente está adimplente hoje graças ao meu esforço e ao esforço da minha equipe, que juntos devolvemos essa condição ao município após vários anos.

A verdade é que, antes de conseguir a máquina, eu tive que participar de muitas reuniões em Recife e em Brasília, acompanhada do Secretário de Obras, Breno Alapenha, para tratar da sistemática do PAC 2 e cumprir as exigências deste programa.

A verdade é que eu e mais tantos outros prefeitos que compõem o Grupo 3, que envolve os municípios com menos de 50 mil habitantes cadastrados no programa, suamos a camisa, tentando atender as exigências necessárias para a aquisição das máquinas, visitando os Ministérios, buscando os gabinetes parlamentares, para vencer a imensa burocracia, inerente a qualquer celebração de convênio junto ao Governo Federal.

A verdade é que a máquina não foi simplesmente doada. Essa é mais uma conquista fruto de nosso esforço, através de convênio firmado entre o Município e a União. Se ela tivesse sido simplesmente doada, sem nenhum critério, todos os 185 municípios pernambucanos teriam sido contemplados, e não apenas 43, como VOCÊ mesmo noticiou em seu blog. Aliás, todos os 5565 municípios brasileiros teriam sido contemplados, o que põe no chão a sua teoria e, mais uma vez, a sua credibilidade e suposta imparcialidade

A verdade é que uma pessoa que se diz pré candidato a prefeito de Bom Conselho está escolhendo o pior caminho para seguir esta jornada, escondendo-se na vestimenta covarde do anonimato para mostrar o seu ponto de vista.

A verdade é que alguém que almeja ocupar um posto com tantas responsabilidades deveria medir suas atitudes. E aqui vai um conselho de quem teve o mérito de ser eleita pelo povo e estar atualmente ocupando este posto: tenha mais personalidade, mostre sua cara e exponha sua opinião. Quem não tem a coragem de dar sua mão à palmatória quando expõe seu ponto de vista, está dando a entender que se envorgonha da sua própria opinião. Isso não faz parte do perfil de um líder, como também não inspira confiança ao povo.

A verdade é que Roberto Almeida é um homem digno. Já foi bastante elogiado pelo seu próprio blog, e agora é chamado de mentiroso por VOCÊ mesmo. Isso se deve única e exclusivamente ao fato de ele ter elaborado uma nota mostrando uma ação positiva do meu governo. Aliás NUNCA o seu blog, que se diz aberto a fatos de Bom Conselho, noticiou sequer uma realização positiva por parte do meu governo, e olhe que já tivemos muitas. Essa postura é, no mínimo, suspeita.

A verdade é que VOCÊ não é tão anônimo assim, mas eu sei quem VOCÊ é, e muita gente também já sabe. Aproveite a ocasião, pois eu abro agora uma oportunidade para VOCÊ mostrar-se para o seu público. O tempo da perseguição e das velhas práticas políticas já acabou, e portanto não há nenhuma justificativa para VOCÊ não fazer isso, a não ser falta de coragem se mostrar ao povo de Bom Conselho. Faça saber quem é aquele que conduz o Blog Bom Conselho de Papacaça, defendendo as opiniões postadas lá. É digno para os seus leitores, como também é digno para os seus adversários, para que possam mostrar a todos de quem estão se defendendo. Optando por continuar nessa sua atual postura, o que vai acontecer, e isso eu aposto que será muito em breve, é ser revelada a sua verdadeira identidade pelo Roberto Almeida, ou quem sabe por nosso amigo Cláudio André, que é blogueiro de Bom Conselho, ou até mesmo no meu próprio blog. Quem não sabe, vai ficar sabendo. Pelo menos, eu garanto, nós três já sabemos quem VOCÊ é.

A verdade, meu caro Mister M (ou Senhor M..., como preferir) é que eu não tenho medo de VOCÊ, nem muito menos das suas críticas. Elas antes podiam me incomodar, mas agora não mais. Eu não tenho o "rabo preso", e se faço uma administração correta, seguindo os princípios que aprendi com os meus pais, é para ter a minha consciência tranquila de que estou fazendo o melhor e mais correto para Bom Conselho. Se governo de maneira transparente e não me envolvo em corrupção por nada nem por ninguém, é para chegar frente a pessoas iguais a VOCÊ e dizer com total tranquilidade: critique, persiga, faça oposição da maneira irresponsável como VOCÊ faz, pois eu sempre vou ter uma resposta consistente para seus argumentos frágeis.

Prometi antes que não mais responderia às provocações criadas por VOCÊ em seu blog, mas não admitido ser chamada de mentirosa por ninguém, muito menos por alguém como VOCÊ.

Você pediu a verdade. A dúvida que fica é: o que VOCÊ vai fazer diante da verdade?

Não responda a mim. Responda aos seus leitores, que não sabem nem ao menos quem escreve a eles, e pense muito bem no que vai responder. O fato é que, após essa postagem, mantendo-se no anonimato, VOCÊ será visto de uma maneira totalmente diferente por eles a partir de hoje. Permanece o M de Mistério, de Mentira, ou será que esse M vai fazer um pouco mais de sentido agora?

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Aquisição de retroescavadeira é notícia no Blog do Roberto Almeida

BOM CONSELHO CONSEGUE RETROESCAVADEIRA

Bom Conselho é um município grande. A cidade, os distritos e povoados, sítios... São quase 800 km2 de área para administrar. No total 1.200 km de estradas vicinais para cuidar.A prefeita Judith Alapenha (PDT), ao assumir em 2009, encontrou máquinas obsoletas e em quantidade insuficiente para atender a demanda. Após décadas, graças a articulação política da pedetista, a cidade acaba de conseguir, com recursos do PAC, uma retroescavadeira novinha em folha. Vai ajudar bastante o homem e a mulher da zona rural. Essa conquista só foi possível porque foram zeradas as inadimplências da Prefeitura junto ao Governo Federal. Aos poucos as coisas estão acontecendo, Bom Conselho está mudando pra melhor.


Prefeito Totonho Valadares afirma que prefeitura está prestes a demitir funcionários

O motivo seria a economia de recursos para ajustar a folha de pagamento à receita do município. O prefeito afirmou que não tem outra alternativa para amenizar a crise motivada pelo atraso e insuficiência dos repasses federais do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) aos municípios, ao não ser exonerar funcionários, "primeiro os contratados (prestadoras de serviço), depois nós vamos pra os cargos comissionadas, depois vamos pra os efetivos, tem gestor público que já demitiu, parece que Belo Jardim, outros da Mata Norte, 200, 300 funcionários", disse o gestor. Entretanto, o prefeito afirmou que primeiro vai economizar alguns gastos que a prefeitura vinha fazendo, como os programas de rádio que servem de divulgação.

A decisão extrema pode ser tomada no começo deste mês, a partir de uma avaliação minuciosa dos recursos. Ainda de acordo com prefeito, levantamento de toda a receita dos dois últimos anos, com base no mês de outubro, constatou que a Prefeitura tem hoje hoje um déficit mensal de R$ 263,000,00, esse valor multiplicado pelos 12 meses chega a mais de 2 milões por ano. "(...) ajuste nas despesas para pagar os funcionários tentando diminuir o valor dos gastos, sabe que isso muda na qualidade dos serviços, a gente já tem reclamação, imagine se você deixar de investir, por exemplo estoura uma tubulação, abre um buraco, tem que ter dinheiro e gente", afirma Totonho dando exemplos claros da crise financeira atual na Prefeitura de Afogados da Ingazeira.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Bom Conselho vai adquirir uma retroescavadeira nova


A relação dos 1.300 municípios classificados pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) para receber máquinas retroescavadeira ou motoniveladora dentro do Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2) foi publicada na edição de sexta-feira 12/11, do Diário Oficial da União (DOU).

Bom Conselho está entre os municípios selecionados. Esse é mais um fruto colhido de uma nova forma de administrar a nossa cidade, de maneira correta, honesta e limpa, sem se ater aos velhos vícios, garantindo uma prefeitura ADIMPLENTE. Com isso, o município está captando vários recursos federais como nunca antes visto. Agora, após vários anos, vamos adquirir uma máquina completamente nova para reformar as nossas estradas, diminuindo um pouco a defasagem do maquinário antigo e obsoleto que encontramos quando assumimos a prefeitura.

Atualmente, o MDA está encaminhando o processo licitatório para a aquisição das máquinas que serão doadas às prefeituras selecionadas. Esta etapa deve ser concluída até o final deste ano. A entrega efetiva dos equipamentos está prevista para até o final do primeiro semestre de 2011.


Clique AQUI e confira os municípios pernambucanos contemplados com as novas máquinas

1.300 servidores são demitidos em Belo Jardim

Quinta-feira, 21 de outubro de 2010

O prefeito da cidade de Belo Jardim, Marcos Coca-cola (DEM), passou a régua no nome de pelo menos 1.300 servidores municipais. Falhas na administração municipal teriam feito o chefe do executivo tomar esta decisão antes que seu nome fosse à degola.

No fim de tarde desta quinta-feira (21), toda uma atmosfera de revolta se espalhou na cidade. Os demitidos não titubearam em pressionar os vereadores, em sessão realizada na Câmara, à noite, para que os parlamentares viessem a achar soluções que revertam a situação. Dos demitidos, nenhum é concursado.

domingo, 21 de novembro de 2010

Diante da crise, Prefeitura de Águas Belas demite 200 servidores

Publicado em 02.11.2010, às 12h02
Do JC Online Núcleo SJCC/Caruaru

A Prefeitura Municipal de Águas Belas, no Agreste Pernambuco, anunciou nessa segunda-feira (1º), a demissão de servidores de todos os escalões do governo. Com a diminuição da receita e o aumento nas despesas para a manutenção da máquina, o prefeito do município, Genivaldo Menezes Delgado, se reuniu com os secretários e diretores para anunciar a decisão. “Estou cortando de minha própria carne”, declarou o líder. Até o final da semana serão cerca de 200 demissões.

Diante da exoneração de 39 comissionados, apenas seis Secretarias continuarão funcionando. São elas: Saúde, Educação, Finanças, Planejamento e Gestão, Assistência Social e Infra-Estrutura. Além destas, a Procuradoria. As outras pastas, assim como as Diretorias, serão assumidas interinamente pela equipe que continua no governo. Também alguns contratados e terceirizados receberão a carta nos próximos dias. Mesmo com a diminuição de pessoal, o horário de funcionamento será mantido das 7h às 13h.

De acordo com Menezes, a determinação foi inevitável. Ele conta que desde o primeiro semestre foi aconselhado pela Assessoria Administrativa e Contábil a cortar gastos para que as contas públicas sejam aprovadas pelo Tribunal de Contas de Pernambuco.

Atualmente, o percentual de folha salarial que deveria estar em 50% chega a 58%. Os encargos sociais e manutenção das Secretarias em funcionamento também foram calculados e a exoneração representa um corte de R$ 200mil, no mínimo, para os cofres públicos em cada mês.

“Acreditei que nossa situação poderia mudar, mas isso não aconteceu. Hoje, sinto profundamente ter de tomar essa decisão, que talvez seja a mais difícil nesses quase dois anos de governo”, enfatiza o prefeito.

sábado, 20 de novembro de 2010

Mais uma queda: FPM de 2010 deve fechar em R$ 52,1 bilhões, aponta CNM

CNM

O Ministério do Planejamento divulgou nesta sexta-feira, 19 de novembro, o Relatório de Avaliação Fiscal do 5.º bimestre de 2010. Atenta aos números, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) destaca aos gestores municipais que, mais uma vez, a atualização da estimativa de arrecadação da União em 2010 implica numa expectativa de receita menor para os tributos que compõem o Fundo de Participação dos Municípios (FPM): o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e o Imposto de Renda (IR).

Pelos cálculos da CNM, que avalia os repasses já realizados em novembro e que indicam uma redução de 5% em relação ao mesmo período do ano passado, o FPM deve fechar 2010 com um total de R$ 52,1 bilhões. Os dados do último relatório do governo federal apontavam uma estimativa total de FPM de R$ 53,2 bilhões para este ano.

“Esta é a quinta vez consecutiva em que a União diminui sua expectativa de arrecadação com o IR e o IPI neste ano. Essa também é a maior queda entre todos os bimestres, o equivalente a 1%’’, completa o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.